Limite #3 – Março 2021

  

Amílcar de Castro: concisão e materialidade, por Matheus Zenom

Perfil de Peter B. Hutton, por Yuri Ramos

O visível e o invisível em “O Joelho de Claire” (1970), por Paula Mermelstein

A teatralidade em “Le soulier de satin” (Manoel de Oliveira, 1985), por Paulo Martins Filho

Glauber Rocha e uma tradição possível, por Matheus Zenom

As estrelas em “The Misfits” (1961), de John Huston, por Paulo Martins Filho

A condição híbrida de “Robocop” (1987), por Paula Mermelstein

De um inferno ao outro: “Assault on Precinct 13”, de John Carpenter (1976), por Davi Braga

A Possessão no cinema de William Friedkin, por Luiz Fernando Coutinho

  

  

Capa: Roberta Pedrosa. 

Textos: Davi Braga, Luiz Fernando Coutinho, Matheus Zenom, Paula Mermelstein, Paulo Martins Filho e Yuri Ramos.

Edição: Matheus Zenom e Paula Mermelstein.